Alho: conheça os benefícios do alho para sua saúde

2.0
01

Conta uma história que durante a terrível epidemia da peste negra que assolou a Europa na Idade Média três ladrões foram presos e condenados a retirar das ruas os cadáveres dos mortos pela doença em Marselha, na França. Mesmo expostos à contaminação, eles nunca apresentaram sinais de terem contraído a peste. Isto chamou a atenção das autoridades locais, que lhes prometeram a liberdade caso revelassem o segredo de se manterem saudáveis realizando um trabalho de altíssima insalubridade. E o que eles revelaram não era nada mais que beber toda noite uma poção de alho para se proteger contra a peste. Verdadeira ou apenas uma lenda, esta história não é tão descabida assim, pois mais recentemente o alho foi usado na I Guerra Mundial pelos ingleses para combater infecções  e tratar de problemas de saúde dos soldados, como tuberculose e complicações das vias respiratórias. O cientista francês Pasteur, famoso por ter criado o método de pasteurização do leite, relatou em 1858 a atividade antibacteriana do alho, que tem sido confirmada por diversos pesquisadores até hoje. Em laboratório, mediante diluição em série, o extrato fresco de alho mostrou ser capaz de inibir o crescimento de 14 espécies de bactérias, entre as quais o Stafilococcus aureus, Klebsiella peneumoniae e Escherichia coli, que são bactérias potencialmente maléficas à saúde. Isto ainda se deu, mesmo usando o extrato de alho diluído 128 vezes.

Mas, afinal, o que é que o alho tem que o torna assim tão poderoso como planta medicinal?

PROPRIEDADES E BENEFÍCIOS DO ALHO

Além de ser um delicioso tempero presente em cozinhas do mundo inteiro, o alho é rico em manganês, potássio, selênio e fósforo, fornecendo também zinco, sódio, magnésio, cálcio, ferro, vitamina C, vitamina B6 e vitamina B9. Possui também propriedades pouco conhecidas e que são, na verdade, as maiores responsáveis pelos efeitos medicinais do alho, como a Alicina e o Tiosulfato, certamente os promotores da resistência às infecções viróticas. Veja a tabela abaixo:

SubstânciaPara que serve
AliinaCombate a hipertensão e a hipoglicemia
AjoenoPrevine a formação de coágulos
Alicina e TiosulfatoAntibiótica, antifúngica e antiviral
Alil-mercaptnaoPrevine a elevação patológica da taxa de colesterol no sangue, antidiabética e controladora da pressão arterial
Dialil-dissulfido, S-acil-cisteína e Compostos gama-glutâmicosPrevinem a elevação patológica da taxa de colesterol no sangue, anticanceríenas e e antioxidantes
InulinaReduz a gordura e estabiliza a glicose na corrente sanguínea

Fonte: Garcia-Gómes L; Sanches-Muniz F. 2000

Por suas propriedades químicas e medicinais, o alho entrou para a lista dos chamados alimentos funcionais, aqueles que nos alimentam mas também são capazes de manter a nossa saúde e combater doenças. Mas, para obter os benefícios medicinais do alho existe a maneira certa de usá-lo. A atividade antimicrobiana do alho é reduzida com sua fervura pois a alicina perde as suas propriedades durante o aquecimento.

Em resumo, os principais benefícios do alho em um consumo regular incluem:

» Aumenta a longevidade

» Reduz os riscos de infarto

» Favorece o bom funcionamento do sistema imunológico

» Reduz a glicose sanguínea

» Evita a oxidação do colesterol e sua concentração exagerada na corrente sanguínea

» Combate bactérias e vírus

» Previne a aterosclerose

» Previne e combate o câncer, principalmente o câncer gástrico e uterino, além de reduzir o tamanho da próstata em pessoas que sofrem com o HBP ou hiperplasia benigna da próstata, que se caracteriza por um aumento do tamanho desta glândula a ponto de prejudicar o jato urinário no homem.

COMO CONSUMIR O ALHO PARA USUFRUIR DE SUAS PROPRIEDADES MEDICINAIS

Como medicamento, o alho deve ser comido cru em pequenas fatias esmagadas e adicionadas às saladas ou fazendo uma pasta de alho para passar na torrada ou no pão. Na internet você vai encontrar várias receitas de pasta de alho. Um detalhe importante é que a alicina, o componente antimicrobiano do alho, leva cerca de 10 minutos para ser liberada depois do esmagamento. Assim, é preciso deixar o alho descansar antes de ingerí-lo. O ideal é consumir dois dentes de alho diariamente.

Mas, é certo, que você terá que lidar com o problema do mau hálito causado pelo alho, que pode durar até 24 horas. Mas existe uma forma de contornar este incomodo. Tomar uma colher de azeite de oliva e mastigar folhas de hortelã após comer o alho cru.

MITOS E LENDAS SOBRE O ALHO

Além de suas propriedades culinárias e medicinais, desde a antiguidade o alho foi envolto em crenças de possuir poderes mágicos e místicos, como:

» o alho espanta os vampiros

» retira energias negativas da pessoa

» na Odisséia, de Homero, poema grego do século VIII A.C., o herói Ulisses comeu alho para evitar ser transformado em porco pela feiticeira Circe

» usado como defumador purifica o ambiente contra maus espíritos