Dopamina, a molécula que produz felicidade

Para nossa mente funcionar existem cerca de 100 bilhões de neurônios no cérebro humano. São tantos que seria como contar as estrelas da Via Láctea. Estas células se comunicam entre si através de substâncias químicas do cérebro chamadas neurotransmissores. A dopamina é justamente o neurotransmissor que nos dá a sensação de prazer e bem estar e nos estimula a olhar a vida positivamente. Portanto, aumentar os níveis de dopamina é fundamental para encontrarmos a felicidade dentro de nós. Ela nos impulsiona, nos dá foco e direção para alcançar nossos objetivos. É o verdadeiro motor da motivação. Toda pessoa bem sucedida tem muita dopamina. Ao contrário, pessoas com baixo nível de dopamina são mais propensas a hábitos destrutivos como o uso e abuso de cafeína, álcool, açúcar, drogas, compulsividade para compras, sexo e jogos de vídeo ou de azar.

Portanto, a dopamina é também um medicamento natural fabricado pelo nosso cérebro que pode curar vários distúrbios mentais, como a depressão, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), esquizofrenia, incapacidade de superar traumas e dependências químicas ou psicológicas, medos, baixa libido, mau humor e a negatividade. Então, tudo que você precisa é aprender como aumentar a sua dopamina para que ela trabalhe a favor da sua felicidade, seja nos negócios, nos esportes, na arte ou na cultura ou em qualquer ramo de sua profissão e também no amor e nos seus relacionamentos sociais e familiares.

ALIMENTOS QUE AJUDAM A AUMENTAR A SUA DOPAMINA

É muito simples elevar os seus níveis de dopamina. Comece incluindo na sua dieta alimentos ricos em tirosina. É essa substância que fornece ao nosso cérebro a matéria-prima necessária para a produção abundante da dopamina. E quais são estes alimentos?

  • Todos os produtos de origem animal
  • Cacau e os chocolates com mais de 60% deste produto
  • Açafrão
  • Melancia
  • Banana
  • Beterraba
  • Amendoim
  • Folhas verdes, como o espinafre, a couve e o brócolis

Exitem também algumas plantas, como a Ginkgo Biloba e a Mucuna, que são usadas tradicionalmente contra distúrbios relacionados ao cérebro e que funcionam justamente provocando uma maior produção de dopamina.

Mas não é só pela boca que podemos aumentar a nossa dopamina. Existe muitos hábitos saudáveis que conseguem também fazer este trabalho.

TOMAR SOL ESTIMULA A PRODUÇÃO DE DOPAMINA

Além de produzir Vitamina D em nosso organismo, a luz solar estimula nosso cérebro a produzir mais dopamina. Portanto, acrescente um banho de sol de pelo menos 30 minutos à sua rotina diária. Mas lembre-se de deixar o sol tocar a sua pele. Para isso, nada de protetor ou roupa obstruindo a luz solar.

ATIVIDADES QUE TAMBÉM AJUDAM A ELEVAR A SUA DOPAMINA

  1. Exercícios físicos são também excelentes para estimular o nosso cérebro a produzir mais dopamina. Quando estamos nos exercitando obrigamos nosso organismo a fabricar novos neurotransmissores em nosso cérebro, incluindo a dopamina. Mas não há necessidade de exercícios físicos pesados. Ginásticas leves, como o Tai Chi Chuan, por exemplo, ou uma caminhada tranquila, também resolvem.
  2. A meditação merece um tempo reservado em algum momento do seu dia. Recolha-se a um lugar de paz. Deixe para trás o celular, a tv, o cumputador, as pessoas e sente-se tranquilamente, respire fundo, pare seus pensamentos e apenas sinta a energia da vida fluindo dentro de você. Os hindus e os budistas usam o mantra OM, que se pronuncia AUM, para silenciar a mente, pois quando ela se concentra em uma única sílaba nossos pensamentos, que normalmente vão se desdobrando infinitamente, pára de divagar e descansa em paz. O método é simples. Respire o mais fundo possível e expire, até a última golfada de ar, exalando a sílaba OM na cavidade da sua garganta. Faça isto diariamente pelo menos cinco minutos e, depois, escolha um tema, algo que está afetando você negativamente e medite sobre ele. Não julgue, nem se culpe. Apenas olhe com sua mente para esta situação que te aflige e repita para você mesmo com toda a força da sua alma: isto não vai mais me afetar porque eu sou maior e mais forte que isto. Eu perdoo e me perdoo. Eu estou livre desta pertubação. A vida é cada dia mais próspera e abundante para mim em todos os sentidos. Eu tenho a solução para tudo porque o universo inteiro trabalha e conspira a meu favor, pois sou justo e verdadeiro. E esta é a vontade de Deus.
  3. Ouvir música para relaxar. Há uma grande quantidade de músicas disponíveis na internet compostas com frequências adequadas para criar um ambiente interno de paz e relaxamento. Quando estas frequências invadem o seu cérebro uma sensação de bem-estar inunda a sua mente, pois elas estimulam quase que imediatamente a produção de mais dopamina.
  4. Criar é mais que uma arte. É também uma técnica poderosa para elevar o seu nível de dopamina. Portanto, dedique-se à criatividade. Reinvente constantemente a sua vida. Saia da sua área de conforto. Se exponha ao novo. Descubra novas possibilidades. Visualize tudo que você quer de bom para sua vida. Crie o ser que você quer ser.
  5. Evite o stress. Por mais difícil que possa parecer, é possível você viver sem ser escravo do stress. Se estressar significa se sobrecarregar de qualquer tipo de energia que te deprime. Tem um velho ditado que diz que rir é o melhor remédio para o stress. Quando você ri você admite que nada é tão sério como parece. E realmente não é. O stress bloqueia a produção de dopamina, o que nos faz se sentir ainda mais deprimido e infeliz. Este estado de espírito afeta o nosso sistema de defesa e abre a porta de nosso organismo para todo tipo de doenças, principalmente o câncer. Portanto, diga não ainda hoje ao stress e veja quanta coisa vai começar a mudar para você.